Deixar de fumar - Resoluções 2014

Publicado em Bem-Estar

Deixar de fumar, quantas vezes já pensou, e desistiu antes de começar? Explicamos-lhe o melhor método para parar de fumar: Uma vida saudável.

Fernando Alvim. As minhas resoluções para 2014


happy new me image
Exercício físico contribui para reduzir a vontade de fumar

Diversos estudos têm mostrado que a prática de exercício físico é fundamental para fumadores que pretendem reduzir os efeitos nefastos do tabagismo:
A Universidade de Exeter, no Reino Unido, concluiu uma investigação (publicada posteriormente no jornal especializado Addiction) tendo determinado que “Há uma forte evidência de que a atividade física reduz drasticamente o desejo de fumar”.

Os investigadores analisaram os dados de 19 ensaios clínicos prévios e descobriram que os fumadores que tinham a esperança de deixar de fumar e que reservavam algum do seu tempo para fazer exercício físico tinham mais facilidade em parar de fumar.

O exercício parece claramente trazer benefícios temporários e como tal pode ser altamente recomendado”, afirmou Adrian Taylor, um professor de Exercício e Psicologia da Saúde da mesma universidade.

Nas experiências realizadas, a equipa de investigadores descobriu que os fumadores envolvidos afirmaram que tiveram menos desejo de fumar – depois de exercitarem o corpo – do que tinham antes de se submeterem a este estudo.

De acordo com a líder da investigação, Kate Janse Van Rensburg, os resultados do estudo indicam que a prática de exercício físico ajuda, de facto, a deixar de fumar. “Isto reforça o argumento de que o exercício moderado (sessões de 10 a 15 minutos) pode ser uma alternativa viável a muitos produtos farmacêuticos, tais como os adesivos de nicotina”.

Redução dos riscos cardiovasculares em fumadores ativos

Uma outra investigação em Taiwan estudou 434 mil fumadores também concluindo que os fumadores ativos (envolvidos num programa de exercício físico moderado) tinham 55% mais probabilidades de parar de fumar do que aqueles que eram inativos. Além disso, estes fumadores ativos tinham 43% menos probabilidades de ter uma recaída do que os fumadores que eram inativos.
Importante foi também a conclusão de que os fumadores que ingressaram num plano de atividade física tiveram uma esperança de vida aumentada de 3,7 anos e uma redução da mortalidade de 23%.
Segundo o Dr. C.P. Wen, do Instituto de Investigação Nacional da Saúde de Taiwan: “O exercício pode ajudar os fumadores a diminuir a dependência do tabaco e reduzir significativamente o risco de desenvolver doenças cardiovasculares, nomeadamente ataques cardíacos, e esse deve ser o objetivo de todos os fumadores.”

Que tipo de atividade física?

Os estudos mostram que a atividade física de intensidade moderada é bastante significativa para a redução da vontade de fumar e/ou dos efeitos negativos associados ao tabagismo. O moderado significa um trabalho físico que gere aumento da frequência cardíaca, não impossibilitando a capacidade de manter uma conversação durante a atividade (ex: marcha, aulas de grupo de pouca complexidade como o Activate, hidroginástica,…) que deverá ser realizado no mínimo duas vezes por semana.
happy new me image

Dê o primeiro passo. Passe à ação.


Gostou deste artigo? Deixe-nos o seu comentário.

Partilhe com os seus amigos!

Publicado em Bem-Estar