DICAS ESSENCIAIS PARA TÉNIS DE CORRIDA – 2ª parte

Publicado em Fitness

O que saber na altura da transição para um calçado minimalista?

TRANSIÇÃO PARA CALÇADO MINIMALISTA

Na mudança de um par de calçado para outro, deve haver um período de transição. Não deve alterar drasticamente o calçado, quer no quotidiano quer na corrida.
Se começar a utilizar ténis minimalistas, as extremidades inferiores irão necessitar de se adaptar, ativando músculos na anca e zona dos glúteos. Neste período de transição deve introduzir o novo calçado de forma progressiva e deve “ouvir o corpo”.

• Na transição entre calçado com um grande “drop” para nenhum ou baixo “drop” deve utilizar um calçado de “drop” intermédio durante alguns meses.

• Até a força e mobilidade do pé serem atingidas pode considerar-se a inclusão de órteses (como por exemplo palmilhas), por um período entre 6 a 8 semanas, para suporte do arco.

palmilhas

• Exercícios para aumentar a mobilidade e força dos membros inferiores devem ser incluídos: exercícios para os pés, tornozelo, joelho e bacia são imprescindíveis durante o tempo de transição.

• Sugestão de continuidade: 1.º e 2.ª semanas fazer treino de mobilidade e força dos pés, andar descalço. 3.º e 4.ª semanas incluir no aquecimento os exercícios para os pés e incluir no final alongamentos e libertação miofascial ou auto-massagem para os pés, gémeos, solear e glúteos; correr uma distância pequena com ténis mais baixos. A partir da 5.ª semana aumentar gradualmente a distância com os ténis minimalistas e “ouvir” o corpo.


Veja a 1ª parte do artigo em: Corrida


Sofia Silva
Academy Master Trainer Holmes Place

Gostou deste artigo? Deixe-nos o seu comentário.

Partilhe com os seus amigos!













Publicado em Fitness